Escola Eike de Marketing

Eike

Eike Batista é um dos homens mais ricos do mundo. Ou era. Debaixo daquela peruquinha tem alguém que bate no peito dizendo que construiu um império do nada.

Vende uma imagem de empreendedor arrojado, do tipo que puxa o país pra frente; um orgulho nacional.

Aos seus filhos, com nomes de super-heróis, deu super carros de mais de 1 milhão de reais. E eles retribuem desfilando (unicamente) com paniquetes.

Eike construiu a imagem do herói brasileiro. Rico, articulado, endeusado pelas celebridades e paparicado pelo governo.

E é baseado nessa imagem que ele faz negócio.

Recentemente as ações de uma de suas empresas, a petroleira OGX, despencaram na bolsa de valores.

A OGX não estava entregando o que havia prometido. Dos poços petrolíferos só jorravam blefes.

Muita gente que havia comprado as ações da empresa confiando na imagem do Eike perdeu dinheiro. Muito dinheiro.

Crises de confiança no mercado de ações arruínam qualquer empresa. E é um processo muitas vezes irreversível.

Muitas marcas usam o marketing como o Eike Batista.

Investem milhões pra dizer que o que na verdade não são.

Constroem uma imagem tão profunda quanto uma piscina Regan e tão verdadeira quanto uma nota de 3 reais.

O marketing de uma empresa precisa estar lastreado numa verdade. E essa verdade é o que a empresa é. A sua alma, sua essência.

Até quando a empresa erra, ela erra tentando ser o que ela é.

Porque se o seu consumidor descobre que na verdade a sua marca é uma especuladora, nem uma paniquete semi nua consegue reverter o estrago.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s